Lynne Tracy se torna a nova embaixadora dos EUA em Moscou

Tracy recebeu a aprovação do Ministério das Relações Exteriores da Rússia para assumir o cargo, o chamado agrément, disse o vice-chanceler Sergei Ryabkov na quinta-feira, segundo a agência TASS.

O presidente dos EUA, Joe Biden, já havia indicado o diplomata como o novo embaixador dos Estados Unidos em Moscou. O anúncio foi feito pela Casa Branca em Washington na terça-feira. Anteriormente, ela teria servido como consultora sênior para a Rússia no Escritório de Assuntos Europeus e Eurasianos do Departamento de Estado dos EUA e como vice-chefe de missão na Embaixada dos EUA em Moscou.

De acordo com as regras do protocolo diplomático, o governo do país anfitrião, ou seja, a Rússia, aprova a nomeação antes da nomeação pelo presidente dos EUA.

Tracy ocupou vários cargos de alto escalão, principalmente como chefe da Embaixada dos EUA no Cazaquistão, do Consulado dos EUA no Paquistão e Chefe Adjunto da Missão Diplomática no Turcomenistão. Atualmente, ela atua como embaixadora dos EUA na Armênia. Entre outras coisas, Tracy fala russo.

O diplomata chegará a Moscou em meio a fortes tensões entre a Rússia e os EUA. As questões mais urgentes na agenda dos dois estados incluem a guerra na Ucrânia, a troca mútua de prisioneiros e as negociações sobre o controle de armas nucleares.

O anterior embaixador dos EUA em Moscou, John Sullivan, deixou a Rússia para se aposentar no início deste mês. Ele enfatizou que o fim prematuro de seus poderes não teve nada a ver com as ações da Rússia na Ucrânia.

Mais sobre o assunto –Embaixador dos EUA termina seu trabalho na Rússia e deixa Moscou



Source link